facebook-domain-verification=u5ubljf03il3ylus3oks0c9pgjd5xu
Toxina Botulínica

O botox é um nome comercial relativo à toxina botulínica do tipo A. Na prática, trata-se de uma toxina produzida por uma bactéria (Clostridium Botulinum) que é isolada e purificada em laboratório. Ela tem a capacidade de se ligar seletivamente a um recetor dos músculos e evitar que a ordem de contração muscular seja recebida. Ou seja, como não é recebida essa ordem, aquele músculo não contrai.

 

Na dinâmica facial permite melhorar a forma das sobrancelhas (uma espécie de browlift químico temporário), aliviar a expressão, subir a ponta do nariz, tratar rugas dos lábios, melhorar a forma do rosto. Todos estes efeitos dão-nos um ar mais repousado, sobretudo se realizados com uma técnica natural. Ao olharmos para o espelho sentimo-nos melhor na nossa pele e isso, por sua vez, faz um efeito de biofeedback com o nosso cérebro e a saúde mental – tem efeito antidepressivo comprovado.

Por outro lado, pode prevenir enxaquecas e tratar contracturas crónicas e também está indicado como tratamento da transpiração excessiva. A grande vantagem é o seu efeito temporário, ou seja, não há propriamente riscos definitivos. Mas trata-se de um tratamento médico que envolve um conhecimento de farmacologia e anatomia e, portanto, só pode ser realizado pelas mãos certas e nas doses e locais certos.

Antes e Depois
F.A.Q.s

O que esperar de um tratamento de botox?     

        

Com pequenas doses podemos ter como alvo alguns músculos-chave e podemos enfraquecê-los temporariamente. Os músculos da expressão do rosto podem ser enfraquecidos (ou até mesmo paralisados totalmente), conforme o que se pretende obter. Isto acaba por levar a um aspecto mais repousado e a um ar mais iluminado. Também podemos usar a mesma toxina para tratar aquela tensão que surge nos maxilares quando estamos ansiosos ou cansados, para aliviar contracturas musculares crónicas, diminuir a transpiração ou até mesmo evitar crises de enxaquecas.

Quanto tempo demora a sua aplicação?  

        

A história clínica, exame físico e assinatura do consentimento informado livre e esclarecido acabam por demorar mais tempo do que o tratamento em si. Quanto ao tratamento, deve ser realizada a preparação do fármaco na hora e a sua aplicação não demora mais do que 10-15 minutos no total.

Dói?    

        

Sente-se uma ligeira picada mas é perfeitamente suportável. Enquanto cirurgiã plástica sirvo-me de vários truques técnicos que permitem que seja um processo perfeitamente suportável. Talvez o mais valorizado seja a dimensão da agulha que uso que é, realmente, mínima. No caso das mulheres menstruadas não recomendo realizar este tratamento na fase pré-menstruação, altura em que se demostram mais sensíveis.

Os resultados são imediatos?  

        

A marca que utilizo permite a aquisição de resultados a partir dos dois dias. Os resultados vão aumentando gradualmente, de forma natural, até aos 15 dias. Nessa altura os pacientes regressam à clínica para fazer o retoque, isto é, o ajuste de dose. Caso sobrem unidades da sua embalagem (cada paciente tem a sua), utilizamos todos os bocadinhos para algum outro problema que necessite, como os que referi em cima.

Os resultados são permanentes?    

 

São temporários, sendo a duração média de 4-5 meses (que é reduzida no caso dos fumadores, mas muito superior nos que realizam este tratamento com frequência – costumo dizer que é como a depilação a laser). Ou seja, para quem faz toxina botulínica duas vezes por ano, com o passar dos anos os músculos vão perdendo os recetores ao ponto de passarem a precisar de uma dose menor e do tratamento chegar a durar um ano.

Só se deve colocar botox a partir de uma determinada idade?  

 

Não é verdade. O senso comum assim julga porque são tratamentos relativamente recentes e, como tal, ainda há algum preconceito. A toxina botulínica pode ser utilizada por médicos, em regime off-label, ou seja, fora da norma autorizada, quando medicamente justificável. Por exemplo, pode ser usado em crianças como tratamento de algumas patologias como uma ferida incisa numa zona nobre do rosto num adolescente, que, para além de incluir o tratamento cirúrgico com técnica de sutura adequado, vai exigir toxina botulínica para que os músculos não se mexam muito e a cicatriz fique linear.

Botox previne novas rugas?

 

Sim. Costumo dizer que a toxina botulínica é um tratamento para começar cedo, pelos 25-30 anos, caso pretenda investir na prevenção das rugas. Toxina botulínica e protetor solar são os dois pilares fundamentais na prevenção de rugas.

Qual o papel do botox na autoestima dos pacientes?  

A toxina botulínica tipo A pela sua segurança, não só farmacológica mas também do ponto de vista técnico, quando aplicada por médicos com experiência, permite prevenir as rugas e garantir um investimento ao nível da autoestima e da imagem. A melhor parte é que se trata de um investimento em si mesmo pois não só previne o aparecimento de novas rugas como alivia as que já lá estavam, e quando o efeito passa as rugas até podem voltar a surgir mas não o farão com a mesma força de antes.

Fale connosco!

Politica de Privacidade | Utilização de Cookies | Livro de Reclamações

Copyright @ 2020. THE DR PURE. Todos os direitos reservados. 

facebook-domain-verification=u5ubljf03il3ylus3oks0c9pgjd5xu