thedrpure
top of page

Diástase Abdominal: o que é, como prevenir e tratar.

Afinal o que e é a Diástase Abdominal?


Hum, essa barriga grande não desaparece após o parto? Pensa que é só gordura, contudo sofre de dores de costas, ou sente o períneo fraco e muitas vezes tem incontinência urinária? Muitas mães não sabem, mas o verdadeiro problema não é gordura, mas sim uma fraqueza do abdómen que tem nome: Diastase Abdominal. Um problema comum, muitas vezes subestimado em termos de implicações para a saúde. 



Diástase Abdominal

Foto de Diástase abdominal FreePick



Compreender a Diástase Abdominal


A diástase abdominal é uma condição que afeta muitas mulheres, especialmente durante e após a gravidez. Durante a gravidez o corpo adapta-se para criar espaço para o bebé, e nesse processo os músculos na região do abdómen afastam-se, para comportar a barriga. Este é um processo natural, mas que pode se tornar problemático, não só pelas suas implicações funcionais, mas porque pode desencadear inseguranças, afetando a forma como as mães se apercebem e se sentem em relação ao próprio corpo. O impacto psicológico da diástase abdominal pode ser significativo, levando as mulheres a evitar roupas que desejam vestir e a sentir-se desconfortáveis na sua própria pele. É fundamental reconhecer e abordar essas questões de forma holística, considerando não apenas o aspeto físico, mas também o bem-estar emocional.


Como diagnosticar a Diástase Abdominal


Alguns dos seus sintomas são:


  • Proeminência na região abdominal, seja acima ou abaixo do umbigo, especialmente ao erguer peso, agachar-se ou tossir;

  • Excesso de flacidez na área abdominal;

  • Fraqueza nos músculos abdominais;

  • Dificuldade ao levantar objetos ou realizar atividades quotidianas, como caminhar;

  • Desconforto durante o contato íntimo;

  • Sensações de dor na região lombar, pélvica ou no quadril;

  • Ocorrência de incontinência urinária ao realizar esforços, como tossir ou espirrar;

  • Problemas de prisão de ventre;

  • Adicionalmente, podem surgir questões como má postura ou sensação de inchaço abdominal.



Diagnóstico Diástase

Foto de Diástase abdominal- reprodução Vitat


Autoexame para Diástase Abdominal:


  • Posição Inicial:

Deite-se de barriga para cima numa uma superfície dura, com os joelhos dobrados e os pés apoiados no chão.

  • Localização das Medidas:

Posicione os seus dedos indicador e médio cerca de 2 cm acima do umbigo. Repita para abaixo do umbigo.

  • Contração Abdominal:

Realize uma contração abdominal, como se estivesse a fazer um exercício de abdominal.

  • Observação Tátil:

Sinta a região ao longo da linha média do abdómen, da parte superior à inferior, para identificar qualquer separação ou saliência.

  • Movimento dos dedos:

Durante a contração abdominal, observe se os dedos se movem para cima ou se permanecem no mesmo nível, indicando a presença ou ausência de diástase.

  • Largura da Diástase:

Se houver separação, avalie a largura da diástase em centímetros, se possível. Se for superior a 2-3 centímetros, é possível a presença de diástase abdominal.

 

Este autoexame é uma ferramenta simples para detetar possíveis sinais de diástase abdominal. No entanto, é importante ressaltar que a confirmação diagnóstica e a elaboração de um plano de tratamento devem ser realizadas por um profissional de saúde qualificado. Se quiser saber mais sobre o diagnóstico, leia aqui.


Como prevenir a Diástase Abdominal?


Como já referido, embora a diástase seja normal durante a gravidez, existem recomendações que podem ajudar o corpo a se adaptar a esse estado de uma forma natural:


  •  Alimentação saudável e equilibrada - Bom equilíbrio de proteínas para ajudar a manter a qualidade da fibra muscular. Dietas com baixa ingestão de carnes podem aumentar as chances de diástase, embora seja preciso também evitar os excessos. A orientação por um bom nutricionista funcional é fundamental - já conhece a nossa super nutricionista Dr. Rita Alves, em parceira com a Põe-te na Linha ?

  • Hidratação - Manter o corpo adequadamente hidratado beneficia a recuperação dos músculos, incluindo aqueles que podem causar diástase. Beber bastante água é crucial, e a atenção à elasticidade da pele pode ser mantida com o uso regular de óleos naturais. A The DR Pure Clinic tem alguns óleos e cremes que podem ajudar a manter a sua pele hidrata, à venda na loja online.

  •  Exercícios - É essencial fortalecer a região com exercícios adequados antes e durante a gravidez. Na The Dr Pure Clinic contamos com uma fisioterapeuta que a pode orientar com os exercícios mais corretos nesta fase.


Tratamento da Diastase Abdominal


  •  Os meios de prevenção e tratamento podem ser mais simples, com exercícios e aplicação de cremes em casa e/ou com fisioterapia, numa abordagem mais conservadora.

  • Com técnicas aplicadas sem recurso a cirurgia,  tais como a estimulação eletromagnética de elevada intensidade através do Pacote SOS Diastase, que aplicamos em clínica. Saiba tudo aqui sobre esse pacote aqui.

  • A cirurgia para corrigir a diástase abdominal pode ser considerada em casos mais graves de diastase abdominal (acima dos 20mm), causadora de grande impacto na qualidade de vida: comprometimento estético e funcional, presença de hérnias associadas e considerações psicológicas. A decisão de realizar a cirurgia, geralmente uma abdominoplastia, deve ser discutida com um cirurgião plástico, tendo em conta os riscos, benefícios e expectativas do paciente. Na The Dr Pure Clinic temos um protocolo exclusivo de Recuperação Ultra-rápida em Abdominoplastia, em que não há dor, e pode esperar por um período de recuperação de apenas 1-2 semanas. Se lhe parecer o seu caso, marque a sua consulta aqui.


Abordar a diástase abdominal torna-se essencial, não só numa questão estética, mas principalmente na saúde física e emocional. A jornada com a diástase é tanto física quanto emocional, e este guia serve como apoio para as mulheres, principalmente as que foram já mães, para enfrentarem a experiência com confiança, restaurando não apenas a função física, mas também promovendo o bem-estar geral, ao longo de um caminho que é sempre único e pessoal.





Comentarios


bottom of page